Vintage Culture e o projeto “Só Track Doa” arrecadam mais de meio milhão de reais para combater o COVID-19

O “Só Track Doa”, um crowdfunding criado pela label “Só Track Boa”, já arrecadou mais de meio milhão de reais em pouco mais de 1 semana, graças ao auxílio de artistas como o próprio Vintage Culture, fãs e comunidade. Todo o valor já está sendo destinado ao grupo mais vulnerável diante do avanço da COVID-19 em São Paulo, auxiliando Centros Temporários de Acolhimento (CTA), que recebem diariamente pessoas em situação de rua e ONGs que atendem moradores de comunidades carentes. Estão sendo distribuídos suprimentos básicos – alimentação, higiene pessoal, limpeza – para que estas instituições possam manter seus trabalhos, cuidar da saúde do público atendido e seguir os protocolos de combate ao vírus.

No ar há pela terceira semana durante a quarentena, Vintage Culture  já soma mais de 50 horas de transmissões ao vivo em suas redes sociais, com um público de mais de 4,7 milhões de pessoas (sendo quase 2,1 milhões de pessoas no YouTube, além dos mais de 2,7 milhões no Instagram)

Durante as transmissões ao vivo em sua Digital Week, o artista impulsiona o projeto “Só Track Doa”

RSVNTG-6543256
Crédito: Fabrizio Pepe/ Divulgação

Acostumado com uma intensa rotina de shows,  o DJ e Produtor Vintage Culture tem usado a quarentena para ativar sua legião de fãs da maneira mais positiva possível: com música, influência e solidariedade. Desde o dia 23 de março, o artista vem dando vida ao projeto “Digital Week”, uma série de transmissões ao vivo em suas redes sociais, direto de ambientes diferentes e inusitados de sua casa.

Após três finais de semana de realização, o projeto já atingiu a surpreendente marca de 14 apresentações, com mais de 50 horas ao vivo em suas redes sociais (incluindo uma histórica live de 10h de duração), para um público de mais de 4.7 milhões de pessoas, sendo quase 2,1 milhões de pessoas no YouTube, além dos mais de 2,7 milhões no Instagram. Digital Week tem sua quarta semana já confirmada com apresentações nos dias 10, 11 e 12 de abril. Todos as lives e vídeos das transmissões passadas, podem ser conferidos no canal oficial do Vintage Culture: www.youtube.com/vintageculturemusic. As transmissões também acontecem no IG: @vintageculture.

“São lives em que fico de duas até cinco horas me apresentando com Long Sets. Em um dos episódios da Digital Week cheguei a ficar ao vivo por 10 horas seguidas. Foi muito irado! A galera que estava me acompanhando foi super receptiva e ficou comigo até o fim. Agora estamos planejando para as próximas semanas uma de 24 horas, pra curtir um dia inteiro de música”, comentou Lukas Ruiz, o Vintage Culture.

Além da Digital Week, o artista ainda fez parte da estreia do projeto de lives “United Through Music”, do festival de música eletrônica mais famoso do mundo, o Tomorrowland. Além disso, participou do “Spinnin’ Digital Festival”, festival online da Spinnin’ Records, maior gravadora e comunidade de música eletrônica/dance do mundo, da qual Vintage Culture faz parte.

SOBRE VINTAGE CULTURE

Vintage Culture é um projeto que não nasceu sozinho no Brasil e sim com uma cultura e uma multidão que lota estádios em seus eventos Só Track Boa. Só em 2020 estão previstos mais de 20 eventos por todo Brasil, com uma média de 27 mil pessoas em cada. Lukas Ruiz (Vintage Culture) é o embaixador e idealizador deste movimento cultural que é disseminado em eventos, lives, clipes, em sua própria marca de roupas e até em uma história em quadrinhos.

Com feitos históricos no Brasil como sold out no palco Perry do Festival Lollapalooza, e sold out no Palco New Dance Order Stage do Rock in Rio, Lukas Ruiz é hoje um empreendedor do cenário da música eletrônica brasileira, figurando inclusive na revista Forbes Under 30 e citado pelos organizadores do Festival Tomorrowland em uma lista dos 20 mais promissores artistas dos próximos anos.

Sempre se reinventando e surpreendendo o público com seu vasto acervo de músicas não lançadas que só podem ser ouvidas em seus sets ao vivo, Vintage Culture também se destaca pelas várias horas que toca com long set (em geral mais de 6 horas), além do seu já tradicional long set no Club Privilege (Búzios), em que toca sempre de 13 a 15 horas seguidas. Seus dois singles mais recentes foram marcados por acontecimentos importantes: com a faixa “Deep Inside”, lançou seu universo em quadrinhos em parceria com um dos mais respeitados estúdios de animação do mundo, ganhador de 30 Leões em Cannes; já com “In The Dark”, alcançou a primeira colocação no chart dance/club da Billboard.

Neste ano, Vintage Culture se apresentará no palco principal do Tomorrowland, maior festival de música eletrônica do mundo, que acontece na Bélgica. Além disso, foi atração do EDC México e estará no renomado EDC Las Vegas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s